Tradutor / Translator / Traductor / Übersetzer / Traduttore / Traducteur / 翻訳者 / переводчик

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Globo de Ouro 2012

Funcionando como uma espécie de prévia para o Oscar, televisionado dias antes das indicações para o maior prêmio do cinema, o Globo de Ouro atrai cada vez mais atenção, desde sua primeira edição, em 1943. Reunindo grandes produções do cinema e da televisão, os vencedores são escolhidos pela Hollywood Foreign Press Association e, como em toda premiação, os acertos e as injustiças dão o que falar.
Os indicados para este prêmio diferem um bocado daqueles nomeados para o Emmy (prêmio exclusivo para as produções televisivas) e o próprio Oscar. Um dos motivos é a união de seis categorias do Emmy em apenas duas, Melhor Ator e Atriz Coadjuvantes, valendo tanto para séries cômicas quanto dramáticas. Outras indicações mesmo existindo categorias idênticas em ambas as premiações, resultaram em vencedores diferentes, como Melhor Atriz em Série Dramática para Claire Danes (por “Homeland”, também escolhida como Melhor Série Dramática), Melhor Atriz e Ator de Comédia, para Laura Dern por “Enlightened” e Matt LeBlanc por “Episodes”. Esse foi, aliás, um prêmio de retornos, pois, além de LeBlanc (o inesquecível Joey da série FRIENDS), Kelsey Grammer (o Dr. Frasier Crane das séries “Cheers” e “Frasier”) ganhou como Melhor Ator em Série Dramática.
Alguns resultados, no entanto, foram idênticos ao Emmy, como Melhor Atriz em Minissérie para Kate Winslet (por “Mildred Pierce”), Melhor Ator em Série Dramática para Peter Dinklage (por “Game of Thrones”); além de Melhor Série de Comédia para “Modern Family” e Melhor Minissérie para “Downtown Abbey”.
Se na TV já havia algumas certezas, o mesmo não pode ser dito do cinema, pois esta é a primeira da série de premiações que culminará no dia 26 de fevereiro. Ele serve como um morno termômetro para o prêmio principal, pois os filmes cômicos e dramáticos são julgados em categorias diferentes. O resultado disso foi a vitória de Michelle Williams por “Minha semana com Marilyn” e Meryl Streep por “A Dama de Ferro”, ambas Melhores Atrizes.
Entre as boas surpresas da noite, houve o reconhecimento do veterano Christopher Plummer como Melhor Ator Coadjuvante (a Melhor Atriz Coadjuvante foi Octavia Spencer) e do filme iraniano “Uma Separação”. Nem tão surpreendente assim, pois já havia sido anunciado, foi a reverência a Morgan Freeman, recebendo o prêmio Cecil B. DeMille, apresentado por Helen Mirren e Sidney Poitier.
Como esperado, alguns favoritos levaram o troféu, a exemplo de Madonna, Melhor Canção Original por W.E., Woody Allen, Melhor Roteiro por “Meia-Noite em Paris”, George Clooney, Melhor Ator por “The Descendants” (também Melhor Filme), e Martin Scorsese, Melhor Diretor por “A invenção de Hugo Cabret”. O filme mais comentado do momento, “O Artista”, ganhou nas categorias Melhor Trilha Sonora (Kim Novak está se remoendo por dentro agora), Melhor Ator para Jean Dujardin e Melhor Filme de Comédia ou Musical. Será que vai dar filme mudo pela primeira vez no Oscar desde 1928? É esperar para ver!

18 comentários:

Netto de Deus disse...

Lê, o que está acontecendo com o Oscar? Será a "unificação" com o Emmy, ou Wall Street também afetou as cabeças dos grandes estúdios de Hollywood?

João de Deus Netto do blog CinemaScope - A 7ªArte em textos e caricaturas tipo Coisa de Cinema.

Sucesso procê!

Iza disse...

Ai tomara que The Artist ganhe Óscar. Estou torcendo pra ele e Histórias Cruzadas. Adoro filmes retrô.

http://vintageiz.blogspot.com

Beijos :)

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Um resultado super justo. Adorei os prêmios para Meryl, Plummer e Winslet.

O Falcão Maltês

Rosemere Neri disse...

Retribuindo sua visita ao meu blog e te seguindo também! Adorei! Bjs e Sucesso!!!

Iara Netto disse...

Oi Lê !!
Adorei sua visita, tô retribuindo e seguindo também !!!
Curto demais filmes mas não acompanho essas premiações...
Estarei sempre por aqui : )

besitos

iaranettomeamarro.blogspot.com

monpetitjournaliste disse...

Nossa, incrível que não vi mtos filmes no ultimo ano então estou por fora com relação aos favoritos, mas ouvi falar mto bem do Artista. Gostei mto do seu blog e obrigada pela sua visita, espero encontrá-la lá novamente.

David MM disse...

Olá Lê... ...Li algumas postagens e achei muito bom! Logo de cara já da pra ver que vc gosta bem do cine retrô. Eu tb gosto, porém me indêntifico mais com o cinema atual, contudo sei valorizar as obras do passado! Continue postando, vou estar sempre dando uma espiadinha...

Nilton Silveira disse...

Boa noite!!
Passando pra conferir seu espaço, gostei e estou seguindo!!
Conteúdo super interessante!! Parabéns!!
By: http://penseoamanha.blogspot.com/
Abs

David MM disse...

http://david-m-m.blogspot.com/

Carol Machado disse...

Olá Lê muita obrigada pela visita em meu blog http://taotao-distante.blogspot.com/, adorei o seu.
Estou seguindo quando for e visitar de novo segue lá tbm. :D bj

Déborah-alana disse...

Agora é esperar o Oscar para ver como vai ser! Adorei seu blog e comecei a seguir :* beijoos

Blog Uma ou Outra disse...

Adorei o post, mto bem escrito!

Se quiser, venha conferir nosso novo post =)

Blog Uma ou Outra| Twitter | FanPage

Rubi disse...

Mal posso esperar pra assistir The Artist. Esse é o tipo de filme que eu faço questão de assistir no cinema; imagine só que emoção? HAHA Creio que muitos terão a impressão de ter voltado no tempo.

O diretor foi simplesmente genial.

Isabel disse...

adorei seu blog :) sou cinéfila, mas confesso que não tenho paciência para alguns clássicos só de olhar para a sinopse dos mesmos HAHAH mas seus comentários me inspiraram a assistir alguns :) continue assim, sucesso!

Sara disse...

Acho estas premiações bem previsíveis e chatinhas. Gosto de ver o visual do povo famoso:)
Amo cinema e seriados, mas não ligo para prêmios...

Alinne disse...

Oi Lê.
Acho bem interessantes essas premiações pena que nem sempre me agradam =(
Também adorei o seu blog e já estou seguindo.
E obrigada pela visita.
Beijos.
http://booksedesenhos.blogspot.com

Danilo Craveiro disse...

Apesar de ser fã da Gleen Close, fiquei muito feliz com a vitória da Meryl Streep... Tbm gostei dos prêmios pro Christopher Plummer, pra Kate Winslet e para o protagonista e O artista. Agora vamos esperar o Oscar :D

Marcos Rosa disse...

Sobre o seu comentário lá no blog, ainda não vi Cavalo de Guerra, mas realmente dizem que é bom.

Muitos desta lista do Globo de Ouro não assisti ainda. Mas me surpreendi com o Clooney, está muito bem cotado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...