Tradutor / Translator / Traductor / Übersetzer / Traduttore / Traducteur / 翻訳者 / переводчик

domingo, 17 de fevereiro de 2019

A Fúria dos Justos (1955) / Trial (1955)


Quando passamos a assistir muitos filmes, vemos além dos grandes atores de praxe e começamos a prestar atenção nos coadjuvantes que roubam a cena. No pouco conhecido “A Fúria dos Justos” (1955), um desses coadjuvantes brilha: é Anthony Kennedy, que nos faz sentir todo tipo de emoção através de seu personagem.

Once we start watching more and more movies, we get past the usual great actors and start paying attention to character actors and supporting actors who are scene stealers. In the little known film “Trial” (1955), one of these supporting actors shines: Arthur Kennedy, who makes us feel all kinds of emotions through his character.


Quando uma adolescente more em circunstâncias misteriosas, o suspeito óbvio é o garoto que estava com ela, o adolescente latino Angel Chavez (Rafael Campos). Isto é horrível para o menino e para a mãe dele, que de repente se veem no centro da raiva de uma cidade inteira, mas é uma grande oportunidade para David Blake (Glenn Ford), um professor universitário que ia ser demitido porque não tinha experiência em julgamentos. Agora, com a ajuda do amigo Barney (Arthur Kennedy), ele pode ganhar a experiência necessária ajudando Chavez.

When a teenager girl dies in mysterious circumstances, the obvious suspect is the boy who was with her, Latino teen Angel Chavez (Rafael Campos). This is horrible for the boy and his mother, suddenly in the center of the rage of the whole town, but it is a great opportunity for David Blake (Glenn Ford), a college professor who was about to be dismissed because of his lack of experience in trials. Now, with his friend Barney's (Arthur Kennedy) help, he can earn his experience by defending Chavez.


Logo se aglomera uma multidão raivosa na frente da prisão, com o objetivo de linchar o garoto – assim como em “O Sol é para Todos” (1962). A multidão acaba não fazendo nada, mas a cidade inteira está de olho em David – e o país inteiro está de olho na pequena cidade, esperando para ver como eles irão punir o criminoso. E aqui está uma das preocupações de David: desde o início, todos estão prontos para punir o garoto, sem sequer ouvir a defesa dele.

Soon there is an angry mob in front of the prison wanting to lynch the boy – just like in “To Kill a Mockingbird” (1962). The mob does nothing, but the whole town is watching David – and the whole country is watching the tiny town, waiting to see how they punish a criminal. And here lies one of David's preoccupations: since the beginning, everybody is ready to punish the boy, without listening to his defense.


Ajudando David temos a secretária Abbe (Dorothy McGuire), e acusando o garoto temos o promotor Armstrong (John Hodiak), um homem cuja futura carreira política depende do seu sucesso no caso. Como podemos ver, há muito mais em jogo do que apenas a justiça.

Helping David we have the secretary Abbe (Dorothy McGuire), and accusing the boy we have attorney Armstrong (John Hodiak), a man looking for a political career that will depend of his success in the case. As we can see, there is much more than simple justice at stake.


Em “A Fúria dos Justos”, não vemos apenas o julgamento, mas também o que acontece nos bastidores. Muito dinheiro precisa ser arrecadado, em comícios que parecem comícios políticos, mas são na verdade um circo. No maior comício, outro problema surge, pois David e Barney aceitam doações do Partido de Todos os Povos, um grupo comunista.

In “Trial” we don't see only the trial, but also what happens backstage. A lot of money needs to be raised, in rallies that look a lot like political rallies, but are more like circuses. At the biggest rally, another problem arises as David and Barney accept donations from the All Peoples' Party, a communist group.


Vemos a parte suja do direito quando ele envolve a política. O funeral da vítima se torna um comício de supremacistas brancos quando o local é invadido por um grupo que quer explorar a morte dela para espalhar a ideologia racista deles. O discurso do supremacista branco sobre dividir as “raças”, desenhar uma linha divisória e buscar voltar aos velhos tempos é algo que poderia ter sido escrito ontem em um fórum da deep web ou em um tweet de Trump.

We see the dirty part of practicing law when politics get involved. The funeral of the victim becomes a white supremacy rally when invaded by a group wanting to exploit her death to spread their racist ideology. The white supremacist's speech about dividing the races, drawing a line and looking for the old times is something that could have been written yesterday in a deep web forum or in a Trump tweet.


Barney é mentor de David, é um advogado truculento, um showman, um manipulador, um homem histriônico e que sempre rouba atenção para si. Arthur Kennedy, indicado para um Oscar de Melhor Ator Coadjuvante pelo papel, lida bem com um personagem tão complexo, enquanto Glenn Ford interpreta um personagem mais ingênuo e simpático. Kennedy foi indicado por cinco Oscars – quatro dessas indicações aconteceram em filmes dirigidos por Mark Robson, diretor de “A Fúria dos Justos” – mas ele nunca ganhou o prêmio. Entretanto, ele ganhou o Globo de Ouro por sua performance em “A Fúria dos Justos”.

Barney is David's mentor, a truculent lawyer, a showman, a manipulator, a histrionic speaker and a scene / attention stealer. Arthur Kennedy, nominated for a Best Supporting Actor Oscar for this role, handles well such a complex character, while Glenn Ford plays a more naïve and sympathetic one. Kennedy was nominated for five Oscars – four of those nominations were in movies directed by Mark Robson, director of “Trial” - but he never won. He won a Golden Globe for his performance in “Trial”, though.


Outra grande atuação é de Katy Jurado, que interpreta a mãe desesperada de Angel, Consuelo Chavez. O que mais se pode esperar de uma atriz que interpreta uma mãe cujo filho pode ser condenado à morte se for considerado culpado? Como Abbe, Dorothy McGuire interpreta uma secretária cuja mente é tão afiada quanto a de um advogado, e que também está sofrendo com a desilusão por causa da ética de trabalho de Barney – ou pela falta de ética dele.

Another great performance comes from Katy Jurado, who plays Angel's desperate mother, Consuelo Chavez. What else can you expect from an actress that plays a mother whose son can be hanged if he is guilty if not a lot of emotion? As Abbe, Dorothy McGuire plays a secretary whose mind is as sharp as any lawyer's, and who is also disillusioned with Barney's work ethic – or lack of one.


Os assuntos como o racismo contra Angel Chavez e o comunismo não são muito bem desenvolvidos – especialmente se considerarmos o MacCarthismo que se espalhava nos anos 50. Mesmo assim, “A Fúria dos Justos” é um ótimo filme, uma mistura única de “O Sol é para Todos” e “A Grande Ilusão” (1949) e, apesar de raramente aparecer nas listas de melhores filmes de julgamento, deveria com certeza figurar nas primeiras posições destas listas.

The issues like racism against Angel Chavez and communism are not so well developed – especially considering the MacCarthism going on in the 1950s. Nevertheless, “Trial” is a great movie, an unique mix of “To Kill a Mockingbird” and “All the King’s Men” (1949), and one that rarely appear in the list of best trial movies, but for sure deserved to figure in the first positions of those lists.

This is my contribution to the Arthur Kennedy’s Conquest of the Screen blogathon, hosted by Virginie at The Wonderful World of Cinema.

sábado, 16 de fevereiro de 2019

À Meia Luz (1944) / Gaslight (1944)


Este é o filme que deu a Ingrid Bergman seu primeiro Oscar de Melhor Atriz. Este é o primeiro filme feito pela atriz Angela Lansbury. Este é mais um filme com uma protagonista forte dirigido por George Cukor. E este é o filme que originou o termo “gaslighting”, que ainda pode ser usado até hoje em uma situação muito triste e sexista. Este é “À Meia Luz”, de 1944.

 This is the film that gave Ingrid Bergman her first Best Actress Oscar. This is the first film Angela Lansbury appeared in. This is another film with a strong female lead directed by George Cukor. And this is the film that gave us the verb “gaslighting”, one that can still be used today in a very unfortunate and sexist situation. This is 1944's “Gaslight”.


Paula Alquist (Ingrid Bergman) se muda da Inglaterra depois de uma tragédia acontecer em sua casa. Ela via para a Itália estudar canto com o melhor maestro do país. Um dia, muitos anos depois de sua chegada, o maestro percebe que o coração dela não está no canto, e que ela está “feliz demais” para ser uma grande artista: ela só pode estar apaixonada. O maestro a libera para ser feliz como uma mulher casada e desistir do canto.

Paula Alquist (Ingrid Bergman) leaves England after tragedy strikes in her household. She goes to Italy to train as a singer under the best maestro in the country. One day, many years after her arrival, the maestro realizes her heart is not in the singing, and that she is “too happy” to be a great artist: she can only be in love. The maestro frees her to be happy as a married woman instead of as a singer.


O homem por quem ela está apaixonada é o pianista que a acompanha nas lições de canto, Gregory Anton (Charles Boyer). Mas Paula é traumatizada e ingênua, e Gregory é esperto e manipulador: é por isso que ele a segue até seu lugar de descanso no Lago Como, e é assim que ele a convence a voltar para Londres, para a mesma casa em que a tia dela foi assassinada, depois do casamento.

The man she is in love with is the pianist that accompanies her in the singing lessons, Gregory Anton (Charles Boyer). But Paula is traumatized and naïve, and Gregory is smart and manipulative: that's why he follows her until her calm spot at Lake Como, and that's how he convinces her to go back to London, to the same house her aunt was murdered in, after they get married.


Gregory começa a dizer para Paula que ela está doente, e também que ela tem tido perdas de memória e tem perdido coisas ultimamente – e ela acredita nele. As observações dele fazem com que ela deixe de sair sozinha de casa, e Gregory também proíbe que venham visitas como Bessie Thwaites (Dame May Whitty), uma velhinha curiosa que adora um bom mistério, e Brian Cameron (Joseph Cotten), um homem intrigado.

Gregory starts telling Paula that she is sick, and also that she has been having memory lapses and losing things lately – and she believes him. His remarks prevent her from going out alone, and Gregory also forbids visitors like Bessie Thwaites (Dame May Whitty), a nosy old lady who loves a god mystery, and Brian Cameron (Joseph Cotten), a curious man.

É através de tortura psicológica e sugestionamentos que Gregory manipula Paula. As luzes dos lampiões são uma metáfora aqui: conforme as luzes vão se extinguindo, Paula teme que sua sanidade também esteja indo embora. Por causa do filme, “gaslighting” se tornou o nome de uma técnica manipulativa que envolve o questionamento da realidade da vítima, para que todas as pessoas e até a própria vítima duvidem do que a vítima diz. Chamar as pessoas – em geral mulheres – de “loucas”, “insanas” e “histéricas” também é uma forma de fazer gaslighting.

It's through psychological torture and suggestion that Gregory manipulates Paula. The lights are a metaphor here: as they extinguish, Paula is afraid her sanity is extinguishing, too. Because of the film, “gaslighting” became the name of a manipulation technique that involves questioning the victim’s reality, so all people and even the victim start doubting what the victim says. Labeling people – usually women – as “crazy”, “insane” and “hysterical” is also gaslighting.



“À Meia Luz” pode ser considerado um filme noir? Há muitos elementos que fazem a resposta ser positiva: a fotografia em preto e branco com o uso de sombras, a importância da iluminação e das fontes de iluminação em diversos frames, o mistério e o suspense, o crime, a presença de Gregory como homme fatale - em contraste com as femme fatales do noir. Um elemento que poderia ser usado para refutar a hipótese é o fato de a história se passar no final do século XIX, mas na verdade há alguns filmes noir que não se passam no presente – sendo o principal exemplo o noir da Revolução Francesa “A Sombra da Guilhotina”(1949).

Can “Gaslight” be considered a noir film? There are many elements that make a case for a “yes”: the black and white photography with the use of shadows, the importance of lightning and sources of (gas)light in many frames, the mystery and suspense, the crime, Gregory as a homme fatale. One element that could be used to refute the hypothesis is the setting of the story in the late 19th century, but there are a few noir films not set in the present – the main example being the French Revolution noir “The Black Book”, from 1949.


As atuações são extraordinárias. Ingrid Bergman tem olhos muito expressivos, e faz um monólogo poderoso perto do final do filme. Charles Boyer é incrivelmente sinistro, e desde o começo sabemos que suas intenções são as piores – em minha opinião, ele e Bergman mereciam o mesmo reconhecimento. Ambos foram indicados ao Oscar, mas apenas Ingrid ganhou – Boyer perdeu para Bing Crosby em “O Bom Pastor” (1944).

The performances are extraordinary. Ingrid Bergman has in her eyes her most expressive feature here, and she delivers her best monologue in a key scene near the ending. Charles Boyer is incredibly sinister, and from the start we know his intentions are no good – in my opinion, he and Bergman deserved the same recognition. Both were nominated for Oscars, but only Bergman won – Boyer lost to Bing Crosby for “Going My Way” (1944).


Há duas empregadas trabalhando para Paula e Gregory: Elizabeth (Barbara Everest) e Nancy (Angela Lansbury). Lansbury tinha apenas 17 anos quando fez o filme, e foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante. É algo curioso porque, como a vivaz Nancy, eu esperava que o papel dela fosse maior. O mesmo aconteceu com o papel de May Whitty: na minha opinião, ambas foram quase desperdiçadas. Angela Lansbury foi escalada para o papel em “À Meia Luz” quando o roteirista John van Druten convenceu David Selznick a fazer um teste com ela como favor à mãe dela, a também atriz Moyna McGill, que havia fugido da Inglaterra quando a guerra começou.

Working for Paula and Gregory there were two maids: Elizabeth (Barbara Everest) and Nancy (Angela Lansbury). Lansbury was only 17 when she made the film, and she was nominated for a Best Supporting Actress Oscar. It's curious because, as the flirty Nancy, I expected her role to be more substantial. The same happened to May Whitty's role: in my opinion, both were underused. Angela Lansbury became part of the “Gaslight” cast when screenwriter John van Druten convinced Selznick to audition her as a favor to their mother, also actress Moyna MacGill, who had fled England when the war started.


“À Meia Luz” teve origem em uma peça de teatro escrita por Patrick Angel, intitulada “Angel Street”. Em 1940, uma adaptação para o cinema foi feita na Inglaterra, estrelando Diana Wynyard (a protagonista de “Cavalgada”, de 1933) e Anton Walbrook (mais conhecido como Lermontov em “Os Sapatinhos Vermelhos”, de 1948). A MGM queria que todas as cópias desta versão fossem destruídas, mas felizmente algumas sobreviveram porque haviam sido guardadas sob o título original de “Angel Street”.

“Gaslight” originated from a stage play written by Patrick Hamilton and called “Angel Street”. In 1940, a film adaptation was made in England, starring Diana Wynyard (the lead of 1933's “Cavalcade”) and Anton Walbrook (best known as Lermontov in “The Red Shoes”, from 1948). MGM intended to have all copies of this version destroyed, but fortunately a few of them survived because the reels were labeled “Angel Street” and not “Gaslight”.


Misteriosa, surpreendente, com ótimas atuações e lindos cenários – o filme também ganhou o Oscar de Melhor Direção de Arte – Decoração em filme em Preto e Branco – “À Meia Luz” é uma pérola e uma obra-prima, que não apenas nos envolve e surpreende, mas também que explica um fenômeno que precisamos combater até hoje.

Chilling, surprising, with great performances and great sets – the film also won the Best Art Direction – Interior Decoration in a Black and White film Oscar – “Gaslight” is a gem and a masterpiece, that not only engages and amazes, but also explains a phenomenon we must combat until today.

This is my contribution to the Adoring Angela Lansbury blogathon, hosted by Gill at RealWeegieMidget Reviews.


quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Um Domingo em Nova York (1963) / Sunday in New York (1963)


“Um Domingo em Nova York” é uma comédia romântica que se passa na Big Apple. Também é um filme com um dos melhores meet-cutes – aqueles momentos fofos em que um casal se vê pela primeira vez – de todos os tempos. É uma comédia hilária, um filme com ótimos cenários e figurinos, e também um filme que pode ser usado para refletirmos sobre feminismo, moral e dois pesos e duas medidas na sociedade. De fato, qualquer coisa pode acontecer em um único domingo em Nova York!

“Sunday in New York” is a romantic comedy set in the Big Apple. It’s also a film with one of the cutest meet-cutes – when a couple meets for the first time in a movie – of all time. It’s a hilarious comedy, a film with great sets and costumes, and also a film to reflect upon feminism, morality and double standards in society. Indeed, anything can happen in a single Sunday in New York!



Eileen (Jane Fonda) acabou um relacionamento recente, e, para se recuperar, ela decide passar alguns dias no apartamento de seu irmão, Adam (Cliff Robertson), em Nova York. Eles conversam sobre sexo e comportamento logo que ela chega e, para não ser um mau exemplo e contradizer seu conselho, Adam leva a namorada, Mona (Jo Morrow), para o Rockefeller Center para patinar no gelo – o plano inicial era transar com ela no apartamento.

Eileen (Jane Fonda) has just been through a break-up, so, in order to recover, she decides to spend a few days in her brother Adam's (Cliff Robertson) apartment in New York. They talk about sex and behavior when she arrives and, in order not to be a bad example and contradict his advice, Adam takes his girlfriend, Mona (Jo Morrow), to the Rockefeller Center to go ice-skating – his initial plan was to have sex with her in his apartment.



Adam é piloto de avião, e seu chefe liga para seu apartamento. Eileen decide dizer a Adam que seu chefe ligou e vai até o Rockefeller Center. No ônibus ela conhece Mike (Rod Taylor), que decide acompanhá-la até que ela encontre o irmão. Em um café, depois de uma piada ruim e a sensação de que não estão agradando um ao outro, tanto Eileen quanto Mike tentam escapar, mas eles acabam se encontrando novamente dentro de outro ônibus e, dessa vez, eles se dão muito bem. Enquanto isso, Adam tem de voltar ao trabalho, mas faz de tudo para conseguir manter seu encontro com Mona.

Adam is an airline pilot, and his boss calls the apartment. Eileen decides to tell Adam the boss called and goes to the Rockefeller Center. In the bus she meets Mike (Rod Taylor), who decides to accompany her until she finds her brother. At a café, after a bad joke and the feeling that this wouldn't work, they both try to escape, only to meet again at another bus and, this time, they really hit if off. Meanwhile, Adam has to go back to work, but he tries everything to keep his engagement with Mona.



O primeiro encontro de Eileen com Mike é charmoso e engraçado: o broche dela fica preso no terno dele, e eles têm de descer do ônibus juntos, como se estivessem grudados. Esta situação se repete em outro ônibus, e me fez pensar em como preciso ficar longe das pessoas quando uso broches.

Eileen's first meeting with Mike is a charming, funny one: her brooch gets stuck in his suit, and they have to exit the bus together, like if they were glued. This situation happens twice in a bus, and made me more aware of the need of keeping distance of other people whenever I wear a brooch.



Quando Eileen percebe que seu irmão de fato transa com sua namorada, ela decide que pode fazer o mesmo e começa a flertar com Mike, em uma sequência hilária. Eles estão no apartamento de Adam, e de repente surge Russ (Robert Culp), o homem por quem Eileen está apaixonada. Mike acaba tendo de fingir que é o irmão de Eileen para Russ, que repentinamente parece muito apaixonado.

When Eileen realizes her brother actually has sex with his girlfriend, she decides she can do it too and becomes all flirty with Mike, in a hilarious sequence. They are in Adam’s apartment, and all of a sudden there appears Russ (Robert Culp), the man who Eileen is in love with. Mike ends up having to pretend to be Adam for a suddenly very much in love Russ.



Eileen tem dúvidas sobre assuntos como sexo antes do casamento – algo que sequer podia ser mencionado em um filme 10 anos antes de “Um Domingo em Nova York”. Quando seu irmão diz que os homens se casam com garotas decentes, ela diz que o problema está na palavra “decente”: ela carrega uma conotação de comparação entre as mulheres. Eileen é um ícone feminista!

Eileen has doubts about issues like pre-marital sex – something that couldn't be mentioned in a movie some 10 years before “Sunday in New York” was made. As her brother says that men marry decent girls, she says that the problem lies in the word “decent”: it carries a connotation of comparison between girls. Eileen is a feminist icon!



Mike fica desconfortável porque Eileen deu o primeiro passo na paquera, e menciona que o conceito de moral é diferente para homens e mulheres. Temas sobre como dois pesos e duas medidas são usados para julgar o comportamento de homens e mulheres começaram a ser discutidos no cinema nos anos 60, mas a mudança ainda não se completou, e até hoje precisamos discutir e apontar quão hipócrita é considerar que mulheres liberais são vagabundas, enquanto um homem pode fazer praticamente qualquer coisa e nunca ser rotulado e criticado.

Mike gets uncomfortable because Eileen took the first step in courting him, and mentions that morality is different for men and women. Themes like the double standard used to judge the morals of men and women started being discussed in film in the 1960s, but the change has not been completely made, and until today we must discuss how hypocritical it is to consider liberated women whores, while a man can do virtually anything he wants to and not be called names.



Todos os atores estão muito bem. Jane Fonda mencionou que “Um Domingo em Nova York” foi o primeiro filme em que ela se considerou de fato boa. Além de sua atuação, seu figurino é também divino. Eu com certeza usaria qualquer uma de suas roupas, desenhadas por Orry-Kelly. Eu também com certeza viveria no apartamento anguloso e charmoso em que Adam vive.

All the actors are very good. Jane Fonda mentioned that “Sunday in New York” was the first film in which she felt she was any good at. Besides her acting, her wardrobe is also divine. I’d totally wear any of her outfits, designed by Orry-Kelly. I’d also totally live in the angular and charming apartment Adam lives in.  



“Um Domingo em Nova York” é um filme que faz você se sentir bem, e também faz você pensar. Porque até mesmo o filme mais simples pode gerar discussões interessantes e atuais se estivermos dispostos a olhar além deles e refletir sobre seus temas.

“Sunday in New York” is a feel-good movie and also a movie that makes you think.  Because even the simplest movie can sparkle interesting and timely discussions if we’re willing to look beyond them and reflect upon their themes.

This is my contribution to the First Annual Valentine’s Day Meet-Cute Blogathon, hosted by Laura at Phyllis Loves Classic Movies.


sábado, 9 de fevereiro de 2019

O Hitchcock que você nunca viu: projetos jamais terminados pelo mestre na era muda


The (silent) Hitchcock you have never seen: unfinished projects by a budding master


Uma das experiências mais dolorosas para um cinéfilo é pensar no que poderia ter sido – nas carreiras que poderiam ter sido brilhantes se não tivessem sido interrompidas prematuramente, nas parcerias que agora podem só existir nos nossos sonhos, e nos filmes nunca feitos. Vou falar da última categoria hoje.

One of the most painful experiences of a film lover is thinking about what could have been – careers that could have bloomed if they weren’t cut short, partnerships that can now happen only in our dreams, and films never made. I’m talking about this last category today.


Todos nós sabemos que Alfred Hitchcock deixou alguns projetos inacabados durante a carreira, e os mais conhecidos são o confuso Flamingo Feather e o conto de fadas Mary Rose. Entretanto, ele estava acostumado a ter de desistir de seus planos. Eu escrevi o capítulo de um livro sobre Hitchcock no cinema mudo, ou melhor, os filmes em que Hitchcock trabalhou antes de se tornar diretor, entre 1921 e 1925, e descobri dois projetos inacabados dessa fase inicial:

We all know Alfred Hitchcock left a few unfinished projects in his career, and the two better known are the confusing Flamingo Feather and the fairy tale Mary Rose. However, he was used to have to drop his plans. I wrote a book chapter about silent Hitchcock, or better, the films Hitchcock worked in before he became a director, between 1921 to 1925, and I found out two unmade projects from this earlier phase:


Good Night Nurse! - roteiro inacabado de comédia

Good Night Nurse é um manuscrito de oito páginas escrito por Hitchcock entre 1922 e 1923. Ele está disponível na íntegra no site The Alfred Hitchcock Wiki.

Good Night Nurse! – unfinished comedy screenplay

Good Night Nurse is an eight-page screenplay written by Hitchcock between 1922 and 1923. It can be found in full at the site The Alfred Hitchcock Wiki.


Na véspera do seu casamento com a temperamental Juanita Ruiz, Felix Dayton tenta escapar e acaba em uma confusão, fugindo em um carro com uma mulher que está prestes a se casar. Felix se livra da mulher, mas Juanita cancela o casamento e ameaça processá-lo. Dias depois, Felix descobre que seu tio está doente e vai visitá-lo. Lá ele descobre que a enfermeira que cuida do tio é Mary, a moça com quem ele se envolveu na confusão naquele dia, e ela, tendo desistido também do casamento, agora está noiva do primo de Felix, Egbert. Felix decide desmascarar Egbert e ser o único herdeiro do tio, por isso junta Egbert e Juanita, que se casam. Satisfeito com a união, o tio apadrinha Egbert, torna-o seu único herdeiro e Felix ainda descobre que a enfermeira Mary está para se casar com o tio.

The day before his wedding with the moody Juanita Ruiz, Felix Dayton tries to escape and ends up in a mess, running away in a car with a woman who is also about to get married. Felix gets rid of the woman, but Juanita calls the wedding off and threatens to sue Felix. Some days later, Felix finds out that his uncle is sick and goes visit him. There he meets Mary, his uncle’s nurse AND the girl who was involved in the confusion the other day. She called off her own wedding and now she is engaged to Felix’s cousin, Egbert. Felix decides to reveal Egbert’s intentions of having the uncle’s fortune for himself – in fact, Felix is the one who wants to have the fortune. So, Felix serves as a matchmaker for Egbert and Juanita, who then get married. The uncle gets so happy with the wedding that he makes Egbert his only heir. To complete his misery, Felix finds out that Mary the nurse is about to get married to his uncle.


Vemos que a história de Hitchcock foi influenciada pelos roteiros da Famous Players-Lasky, – estúdio pré-Paramount que foi o primeiro empregador de Hitchcock – que eram bastante complexos e cheios de reviravoltas. A diferença era que a ideia de Hitchcock não era melodramática, mas sim extremamente cômica e com final surpreendente.

We can see that Hitchcock’s screenplay was influenced by the screenplays at Famous Players-Lasky – the pre-Paramount studio that was his first employer – because they all were very complex and full of plot twists. The only difference was that Hitchcock’s idea wasn’t for a melodrama, like the majority of Famous Players-Lasky productions, but for a comedy with a surprising ending.


Number 13, 1922 – Hitchock como produtor e diretor

Também intitulado Mr Peabody, este filme provavelmente começou a ser produzido logo após o fechamento da filial da Famous Players-Lasky na Inglaterra. Do velho estúdio, ficaram ao lado de Hitchcock para o novo projeto: o câmera Joe Rosenthal Jr e a atriz Clare Greet, coadjuvante em “Três Fantasmas Vivos”. Também estava envolvida no projeto como roteirista Elsie Codd, que já havia trabalhado na divulgação de filmes de Charles Chaplin em Hollywood.

Number 13, 1922 – Hitchcock as producer and director

Also referred to by the title Mr Peabody, the production for this film probably started right after Famous Players-Lasky closed its doors in England. Some people from the old studio remained next to Hitchcock in this new project: cameraman Joe Rosenthal Jr and actress Clare Greet, who had a supporting role in the lost “Three Live Ghosts”. Another person involved in the production was screenwriter Elsie Codd, who had already worked in the advertising of Charles Chaplin films in Hollywood.
Imagem de "Number 13" / Actual footage from "Number 13"
O projeto, um curta-metragem, teve aporte financeiro de um tio de Hitchcock, chamado John, e também de Clare Greet, que teria um papel de destaque. De fato, em 1930 Hitchcock revelou parte do enredo em uma entrevista:

The project, a short film, was financed by Hitchcock’s uncle John and also by actress Clare Greet, who would have the leading role. Actually, in 1930, Hitchcock revealed part of the plot in an interview:

Possible photo of the set of "Number 13"
“Clare Greet e Ernest Thesiger interpretavam os protagonistas. A trama consistia do sonho de uma faxineira que, tendo comprado um bilhete de loteria, começava a sonhar com a riqueza. Todos os seus amigos eram convidados de honra em sua mansão – com um homem que havia sido particularmente bom para ela usando uma coroa o tempo todo – e todos os seus inimigos haviam se tornado seus empregados.”

“Clare Greet and Ernest Thesiger played the leads. The plot was about a maid’s dream – she had bought a lottery ticket and started dreaming with being rich. All her friends were guests of honor in her mansion – a man who was particularly good to her had the honor to use a crown the whole time – and all her enemies had became her employees.” – Note: here I’m paraphrasing Hitchcock’s words.

Possible still from "Number 13"
Mais tarde, Hitchcock diria que o grande defeito de “Number 13” foi “ter sido filmado como uma comédia quando na verdade deveria ter sido uma farsa”. Hitchcock abandonou a produção por motivos financeiros, e a partir de então passou a concentrar grandes esforços na pré-produção de seus filmes, atentando para os gastos que estavam por vir.

Later, Hitchcock would say that the problem with “Number 13” was that it was filmed as a comedy, but it should have been a farce. Hitchcock abandoned the production due to financial reasons, and from then on he put more attention to pre-production in his projects, planning all expenses beforehand.

Possible still from "Number 13"
O filme chegou a ser reconsiderado para exibição em 1925, quando Hitchcock já trabalhava no estúdio Gainsborough, mas a necessidade de filmar novo material impossibilitou o projeto. Apesar de “Number 13” não ter sido concluído, Hitchcock continuou a pareceria com Clare Greet, que fez pequenos papéis em seis filmes do diretor até falecer em 1939.

The film was considered to be exhibited in 1925, when Hitchcock was already working for another Studio, Gainsborough, but it was also necessary to shoot new scenes, which made the whole plan impossible. Even though “Number 13” was never finished, Hitchcock continued his partnership with Clare Greet, who appeared in small roles in his films up until her death, in 1939.

Possible still from "Number 13"
Conhecer estes projetos e o que poderia ter sido se fossem desenvolvidos é algo doloroso para nós, mas o fracasso não incomodou tanto Hitchcock. Em entrevistas anos depois, ele disse que “Number 13” foi “uma experiência bem punitiva – mas purificadora”. Ele certamente aprendeu com este fracasso, e provavelmente não teríamos o Hitchcock que conhecemos e admiramos se estes projetos tivessem sido desenvolvidos.

Knowing about what these projects could have been is painful for us, but the failure in itself wasn’t a hard blow on Hitchcock. In later interviews, he called “Number 13” a “rather chastening experience”. He certainly learned with this failure, and we probably wouldn’t have the Hitchcock we know and admire today without these early unmade projects.

This is my contribution to the Third Annual Alfred Hitchcock blogathon, hosted by Maddy at Maddy Loves Her Classic Movies.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...