Tradutor / Translator / Traductor / Übersetzer / Traduttore / Traducteur / 翻訳者 / переводчик

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Jack Lemmon: fatos rápidos

ü  Ele nasceu no elevador de um hospital em Massachussets, em 1925, e faleceu em 2001, vítima de câncer de cólon e câncer metástico de bexiga.
ü  Aos oito anos já sabia que queria ser ator e, durante a faculdade em Harvard, participou de diversos clubes de teatro. Depois de formado, serviu na Marinha.
ü  Em 1954 fez sua estreia oficial no cinema (na verdade, apareceu na tela pela primeira vez cinco anos antes, num papel menor) ao lado de Judy Holliday na comédia “Demônio de Mulher / It should happen to you”.
ü  Trabalhou como o diretor Billy Wilder em sete filmes. Wilder dizia que ele era como um “presunto fino, que apenas precisava ter a fina camada de gordura retirada”, referindo-se à necessidade de burilar o talento de Jack, que tendia a exagerar em algumas atuações.
ü  Fez quatro filmes com Blake Edwards, dois com Tony Curtis e onze com seu amigo Walter Matthau. O único filme dirigido por Lemmon, Kotch (1971), rendeu a Matthau uma indicação ao Oscar como Melhor Ator Coadjuvante.
ü  Sua produtora JML esteve por trás de “Rebeldia Indomável / Cool Hand Luke” (1967). Como prova de sua gratidão pelo apoio, Paul Newman, o astro do filme, convidou Lemmon para interepretar Sundance Kid em “Butch Cassidy and the Sundance Kid” (1969), mas o ator recusou pois não gostava de andar a cavalo e também acreditava que vários de seus personagens anteriores tinham traços de Sundance.
Jack Lemmon como Daphne
ü  Ele aprendeu a tocar piano sozinho, e também era capaz de tocar órgão, gaita e contrabaixo. 
ü  Ele chegou a gravar um disco enquanto filmava “Quanto mais quente melhor / Some like it hot” (1959).

Cena de "Uma loura por um milhão / The Fortune Cookie" (1966)
ü  Ganhou um Oscar de Melhor Ator Coadjuvante em 1956 por “Mister Roberts” e outro de Melhor Ator em 1973 por “Sonhos do Passado / Save the Tiger”, sendo o primeiro a conseguir este feito. Também é um dos três feliazardos a ganhar duas vezes o prêmio de Melhor Ator em Cannes.
ü  Foi casado duas vezes e teve um casal de filhos, um de cada casamento.
ü  Em 1998 foi indicado ao Globo de Ouro de Melhor Ator num filme feito para a TV e perdeu para Ving Rhames. Durante seu discurso, Rhames chamou-o ao palco e lhe deu o prêmio

11 comentários:

Mario Salazar disse...

Que bonito momento el de Rhames regalándole el golden globe a Lemmon, habla del amor al cine y a veces un premio es insuficiente, los aplausos y la emoción se veía tan natural que emociona. Fue un gran actor, tenia simpatía, era un tipo verdaderamente gracioso, amigable, instantáneamente se ganaba al confianza del público, buen repaso por algunos filmes suyos y fotos. Un beso.

Devaneios disse...

Gosto muito de Jack Lemmon. Acho ele carismático, engraçado e talentoso. Muito boa sua seleção de fatos rápidos. bjs

Iza disse...

Não conhecia a biografia do Jack. Quero muito assistir Quanto Mais Quente Melhor, mas já adiei bastante - culpa das tarefas da escola hehehe. Quero ver se assisto alguns clássicos nesses feriado.
Beijos <3

P.S: Ele nasceu num elevador? Nossa, que ....diferente.

Suzane Weck disse...

Ola ,querida LÊ,Excelentes fatos rápidos sobre Jack Lemmon.Para mim,um grande ator e ótimo comediante.Sempre encontro novidades em teu blog,e sempre das melhores.Beijo no coração.SU.

Rubi disse...

Adoro o Jack Lemmon! Não sabia que ele tinha nascido no elevador de um hospital, um tanto quanto curioso, não? HAHAHA De todos os filmes dele, meu preferido é Quanto Mais Quente Melhor. Gostei muito mais da atuação dele do que do Tony Curtis.

Excelente post!
Beijos.

As Tertulías disse...

Veja uma vez "The days of wine and roses"... Voce vai se surpreender com ele...

Jefferson C. Vendrame disse...

Olá Lê, como vai?
Ótima homenagem essa biografia expressa de Lemmon, ótimo ator e sensacional comediante,gosto muito dele em Quanto mais Quente Melhore Se Meu Apartamento Falasse,

Quanto a esse episódio do Globo de Ouro, nossa que legal, eu não conhecia essa feita, obrigado por ter nos trazido o vídeo.

Mais uma vez, ótimo post, parabéns.

Michas disse...

Lê,

Não conhecia muita coisa sobre o Jack Lemmon, mas assisti a alguns de seus filmes. Achei bem curioso o fato de ele ter nascido em um elevador o.O

Adorei o seu espaço e, pelo que puder perceber, você adoro cinema clássico, né? Muito legal a ideia! Já estou te seguindo!

Vou fuçar mais aqui no blog para conhecer mais sobre você :)

Obrigada pela visita e pelo comentário lá no meu blog! Volte sempre que quiser :)

Beijos,

Michas

http://michasborges.blogspot.com

Rafa Amaral disse...

Gosto de tudo o que ele faz, dos mais velhos aos mais novos. Sempre uma presença marcante. Basta pensar em seu papel em Short Cuts. É um papel pequeno, mas que imobiliza o público com a tamanha dor que transmite, naquele hospital. Valeu a lembrança. Abraços. PS: no meu site, você citou "Um Rosto na Multidão". Por acaso sabe de algum link ou site para baixá-lo? Valeu!

ANTONIO NAHUD JÚNIOR disse...

Admiro intensamente Lemmon. Ele é muito divertido e ótimo ator.

O Falcão Maltês

Iza disse...

Já votei em você.
Respondendo sua pergunta: é eu, sim na foto. Beijos <3

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...